Quem imprime 3D?

Vendo as atualizações do blog da Reprap topei com esse post bem interessante, que tem a proporção das máquinas utilizadas. A matéria original é bem mais abrangente e fala da revolução que é imprimir 3D e em que isso pode alterar a cadeira de produção de várias atividades, como por exemplo na produção de objetos “open-source”.

A pesquisa foi bem organizada e tem o método explicito no artigo também, tem coisas interessantes como a apresentação de alguns conceitos de produção caseira/hacker, faixa etária, nível de instrução, qual o uso, materiais usados para impressão etc.

Vale a pena aplicar um tempo e ler.